Últimas Notícias

Após críticas do STF, Bolsonaro se desculpa e diz que publicação de vídeo foi 'um erro'


Nas imagens, o presidente se compara a um leão acossado por hienas. Uma delas é identificada por ele como sendo o Supremo. A postagem foi criticada por dois ministros do STF. Marco Aurélio Mello disse que o vídeo é 'cortina de fumaça' porque, na avaliação dele, Bolsonaro quer proteger o filho Flávio da Justiça. Já Celso de Melo falou em 'atrevimento'.

Nenhum comentário