Fala de Crivella sobre juíza provoca reação do Tribunal de Justiça do Rio

O prefeito disse que juíza Mirela Erbist, da 3ª Vara de Fazenda Pública, responsável pela ordem de fechar a Avenida Niemeyer, tem beleza de parar o trânsito, mas que não precisava praticar. O presidente do Tribunal de Justiça do Rio repudiou as críticas do prefeito. Em nota, Claudio Mello Tavares considerou as declarações um grave ataque à democracia.

Comentários

Mais lidas da semana

Academias e bares abertos dependem da população

Transforma Minas abre vaga para subsecretário de Direitos Humanos

Educação disponibiliza quarto volume do PET

BDMG abre cadastro para 2ª fase do Pronampe e anuncia nova linha de crédito para pequenas empresas

Estado começa obras para conclusão do Anel Viário de Sete Lagoas