Últimas Notícias

10 dicas para escolher melhor do hortifruti



Tão importante quanto se alimentar de maneira saudável é escolher bem frutas, legumes e verduras. Por isso, nós vamos te ensinar o que observar na hora de aproveitar as ofertas do hortifrutti, evitando o desperdício e aproveitando o melhor dos alimentos.

Diferente do que espalham por aí, o fato do alimento ser bonito, não ter manchas e buracos não quer dizer que ele esteja cheio de agrotóxicos. Isso quer dizer apenas que o produto tem muita qualidade.

Além disso, a maior parte dos pesticidas é aplicada no caule, nas folhas e nas sementes. Salvo hortaliças e frutas, dificilmente são aplicados na parte comestível da planta. Você sabia que cerca de 99% dos pesticidas se degradam no ambiente em questão de dias? Sim, esse é um intervalo de segurança para o consumo alimentar.


Confira essas dicas!


1 – Prefira frutas exuberantes e pesadas, pois o peso é sinal de suculência.

2 – Algumas frutas também possuem um outro sinal: o cheiro. Na maioria das vezes as mais cheirosas são as mais gostosas.

3 – As cítricas não amadurecem fora do pé (como a banana ou abacate), por isso compre as maduras.

4 – Bananas mais cheinhas têm mais sabor e nutrientes. Opte pelas que têm pontinhos marrons, eles produzem uma substância que pode combater células anormais.

5 – O segredo da cenoura é que as melhores têm cor uniforme e as menores são mais saborosas. Isso porque as grandes podem estar com a parte do meio dura e ruim.

6 – As batatas devem estar firmes, frescas e com a casca lisa. Evite as que começaram a germinar, isso mostra mostra que já estão velhas.

7 – As verduras devem ser exuberantes e sem furos. Quando comprar a verdura já limpa, observe se é mantida em refrigeração no supermercado.

8 – Escolha hortaliças bem verdes, sem marcas. Fuja das folhas amareladas e amolecidas. Lave-as e conserve-as na geladeira e consuma em até três dias.

9 – Escolha a couve-flor redonda, com buquês firmes, compactos, de cor branca ou creme. As folhas devem estar brilhantes.

10 – Não compre a couve já picada em tirinhas. Apesar de prática, essa forma não ideal, pois o alimento começa a perder nutrientes, como a vitamina C, assim que cortado.

Projeto de Lei 6299/02


Com o objetivo de trazer mais segurança no consumo de alimentos, o Projeto de Lei 6299/02, que já tramita no legislativo brasileiro desde 2002, trata da alteração de artigos da Lei 7.802, de 11 de julho de 1989, que regulamenta, até então, basicamente tudo o que está relacionado aos chamados agrotóxicos.

Assim, com a sua aprovação, o congresso brasileiro pode vir a dar um importante passo no que diz respeito a possibilitar o fornecimento de produtos mais modernos e menos prejudiciais à saúde. Produtos que cheguem ao mercado mais rapidamente e sem desconsiderar os seus impactos no meio ambiente e na sociedade, através das análises técnicas ainda emitidas pelo Ministério da Agricultura, Anvisa e pelo Ibama.

Fonte: AgroSaber

Nenhum comentário