Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Maratona Aquática

Ana Marcela anuncia retorno a competições e homenagem a Senna

Imagem
  A maratonista aquática Ana Marcela Cunha anunciou na última segunda-feira (17) o seu retorno às competições. Será no dia 6 de setembro na 55ª edição da Travessia Capri-Napoli. Essa será a terceira vez que a brasileira disputará a prova italiana, que tem trajeto de aproximadamente 36 km. Tanto em 2010 como em 2014 ela venceu e segue sendo a recordista da prova com o tempo de 6h24min47s. Nessa oportunidade, a atleta fará uma homenagem especial ao tricampeão mundial de Fórmula 1 e eterno ídolo do esporte brasileiro Ayrton Senna. No ano no qual o piloto completaria 60 anos de idade se estivesse vivo, a brasileira decidiu homenageá-lo com uma touca personalizada, que faz alusão ao capacete verde e amarelo usado pelo piloto. Ver essa foto no Instagram É com muito orgulho que anuncio para vocês que nadarei a prova Capri-Napoli dia 6 de setembro com essa touca, que lembra o capacete do nosso e

Natação: dupla brasileira atravessa o Canal da Mancha

Imagem
Na última quinta-feira (30), a dupla brasileira formada por Mariana Chevalier e Marcio Junqueira completou a travessia do Canal da Mancha. Os dois finalizaram a prova com pouco mais de dez minutos de diferença. A nadadora do Clube Curitibano, de 16 anos, completou o trajeto em 11h55min e se tornou a mais jovem brasileira a finalizar a prova: “Minha ideia era fazer a travessia só em 2022. Mas consegui essa vaga depois de uma desistência. Então, acabou juntando essa oportunidade com a minha boa preparação e, graças a Deus, deu tudo certo”, disse a atleta à Agência Brasil. O recorde anterior era de Kay France que tinha 17 anos na travessia realizada em 1979. Para concluir a prova, que normalmente tem um trajeto de aproximadamente 35 quilômetros, entre o sul da Inglaterra e o norte da França, a nadadora curitibana treinou durante mais de seis meses. “Posso dizer que as primeiras 10 horas foram relativamente tra

Pela volta das provas, clubes de maratonas aquáticas lançam protocolo

Imagem
Buscando alternativas para retornar de forma segura a disputa das provas de natação em águas abertas, paralisadas desde março pela pandemia do novo coronavírus (covid-19), seis dos maiores promotores de eventos de São Paulo lançaram na última segunda (6) a Comissão dos Organizadores de Eventos de Maratonas Aquáticas do Estado (Coema). “Foi algo natural. Um dos principais canais que acompanham natação no país estava sempre perguntando quando seria a próxima prova. Falava com muitos organizadores. Até que organizamos uma primeira reunião e criamos a Coema. É uma ação coesa, com protocolos rígidos adaptados da Europa para a realidade que temos aqui. A ideia é tentarmos voltar o mais cedo possível. Mas não temos nenhuma data definida”, disse Igor de Souza, um dos administradores do circuito oficial de maratonas do estado de São Paulo, à Agência Brasil . “Sentíamos falta de ter algo mais específico para nossa modalidade. Víamos muitos protocolos, mas não conseguíamos colocá-