Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Pia Sundhage

Brasil cede ao empate com Canadá em último amistoso na França

Imagem
A seleção brasileira encerrou na tarde de hoje (10) sua participação no Torneio Feminino de Futebol Internacional da França ao empatar com o Canadá, por 2 a 2, na cidade de Calais, em partida realizada com portões fechados, atendendo às recomendações de saúde pública, para evitar a propagação do novo coronavírus (Covid-19). As brasileiras chegaram a emplacar uma vantagem de 2 a 0, com gols de Marta e Ludmila. Foi o primeiro gol da atacante Marta sob comando da técnica sueca Pia Sundhage. As canadenses não esmoreceram e diminuíram com Diana Matheson, ao 27 minutos da segunda etapa. Dois minutos depois, o Brasil ficou com uma jogadora a menos: Jucinara foi expulsa ao cometer falta em cima de Sophie Schmidt, a poucos mestros da grande área. A oito minutos do fim do jogo, a meia-campista Matheson voltou a brilhar, dando assistência para Janine Beckie arrancar o empate. Este foi o segundo empate da seleção no Torneio da França: as brasileiras estrearam com um 0 a 0 contra as holandesas.

De olho em Tóquio, Pia alerta para condição física da seleção feminina

Imagem
A derrota por 1 a 0 para a França, a primeira no comando da seleção feminina do Brasil, deixou Pia Sundhage preocupada com a condição física das jogadoras. A técnica sueca avalia que o rendimento da equipe caiu no desenrolar da partida, a segunda pelo torneio amistoso disputado na cidade francesa de Valenciennes. "Acho que tivemos uma resposta importante neste jogo. Não estamos bem fisicamente o suficiente. Comparando o primeiro com o segundo tempo, o time delas foi ficando cada vez forte. Na Olimpíada, teremos só dois dias para nos recuperar entre um jogo e outro. Então, precisaremos avançar na questão física", alertou a técnica em entrevista coletiva. Pia iniciou a partida do último sábado (7) com sete novidades em relação ao empate sem gols com a Holanda na quarta (4): A goleira Bárbara, as laterais Letícia Santos e Tamires, a zagueira Tayla, a meia Andressinha e as atacantes Cristiane e Bia Zaneratto. Maior artilheira da seleção, Marta começou no banco no jogo com as fr