Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Incêndios Florestais

Estado registra redução da área queimada em unidades de conservação

Imagem
Redução do tempo de resposta e atuação coordenada estão entre os destaques para prevenção e combate aos incêndios florestais Minas Gerais chegou neste mês de setembro à marca de 4.300 hectares (ha) de área queimada no interior das unidades de conservação sob gestão do Estado. Em 2020, são 258 ocorrências de incêndios dentro dessas unidades e mais 138 no entorno, o que resulta em mais 6.416 ha atingidos pelo fogo também no entorno, nas chamadas zonas de amortecimento. Apesar dos quase 400 registros, Minas mantém, neste ano, números menores de área queimada dentro de parques, monumentos naturais, estações ecológicas e outras unidades de conservação. Razão desse resultado tem sido a redução do tempo de resposta, que chega a menos de 10 minutos em 24% das ocorrências e em menos de uma hora em 61% dos casos. Com isso, menos de 1% dos registros de incêndio atingem uma área superior a 1 mil hectares. Esses e outros dados foram apresentados nesta quarta-feira (7/10) pela secretár

Bombeiros de Minas têm novo aliado contra incêndios florestais

Imagem
  Aeronave modelo Air Tractor carrega até 3 mil litros de água, otimizando combate em focos dispersos e áreas de difícil acesso O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) já pode contar com um novo aliado no combate a incêndios florestais: a aeronave Air Tractor. O modelo integra série de investimentos da corporação em inovações e tecnologias já consolidadas como referências mundiais para reforçar as missões de combate ao fogo. Além do avião, que tem capacidade para espargir três mil litros de água de forma fracionada ou apenas em um ponto específico, o CBMMG faz a utilização estratégica de anemômetros, aparelhos que aferem a velocidade e direção do vento. O equipamento é fundamental para compreender melhor a evolução dos focos e aprimorar o combate. Segurança O uso da aeronave reduz o tempo de combate na operação já que o lançamento da água é administrado por um computador que ajusta a descarga nos focos de incêndio, controlando assim as chamas em determi

Defesa Civil reconhece situação de emergência em municípios de MS

Imagem
Os incêndios florestais que atingem algumas regiões do estado de Mato Grosso do Sul levaram a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, órgão do Ministério do Desenvolvimento Regional, a reconhecer situação de emergência nos municípios de Corumbá e Ladário. A medida consta da Portaria nº 2.127 , de 5 de agosto de 2020, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (6). Equipes do Ministério do Meio Ambiente e das Forças Armadas já atuam na região desde o fim de julho a pedido do governador do estado, Reinaldo Azambuja , que declarou estado de emergência ambiental por 180 dias. O governador determinou também a suspensão de autorizações para queimadas controladas no estado. Segundo o governo estadual, os maiores focos de calor são ao longo do Rio Pantanal, próximo às cidades de Corumbá e Ladário. As equipes federais trabalham em conjunto com o Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar Ambiental. A iniciativa é coordenada pela Secretaria de Meio Ambiente, De